sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Boudicca,a Lendária Rainha dos Icenos

Image and video hosting by TinyPic

Falar de Boudicca é falar da conquista da Britânia(região que hoje corresponde a Inglaterra e a Escócia),pelos romanos e para entender seu o papel na História,faz-se necessário explicar a situação dessa Província na sua época...

A Britânia dos Romanos;

A Britânia como reduto celta era formada por diversas tribos e é facto que não eram coesas,havendo desde antes da chegada dos romanos,disputas territoriais,entre si.
Após Júlio César obter aliança com algumas tribos,o Imperador Cláudio na sua conquista obteve ,segundo inscrições no seu Arco do Triunfo,a rendição voluntária de onze tribos que tornaram-se reinos clientes.Todavia,a conquista romana não foi homogénea havendo tribos que nunca se renderam à Roma e conseguinte mantinham pequenas rebeliões.
Quando Cláudio expandiu a conquista do território subjugando as tribos celtas rebeldes,os Iceni gozavam de certas regalias devido á sua posição pró-Roma,o que incluía a continuar a cunhar suas próprias moedas,ficando acordado que pagariam tributos e forneceriam suprimentos para os soldados romanos.
Em paralelo aos acontecimentos,o governador da Província,Suetônio Paulino estava em batalha por ordens de Nero,contra o que era considerado até então o último reduto Druida,na ilha de Mona(actual Anglesey).
Em Camulodunum(actual Colchester),a maior cidade da Britânia e capital da tribo dos Trinovantes,pequenas rebeliões ocorriam devido ao facto de estarem descontentes com os maus tratos,taxas muito altas e as confiscações das terras.Em resumo,a Britânia seguindo o exemplo da Gália no tempo de Júlio César (a resistência gaulesa liderada por Vercingétorix)estava em ebulição e continuava com a tradição romana,de pegar bodes expiatórios para dar o exemplo do que acontecia aos que ousavam desafiar o poder do Império.
Em 59 ou 60 d.C. o rei Iceni Prasutargo morre e como não tinha filhos homens, deixa o reino sobre a autoridade da sua esposa Boudicca,a sua herança e as suas duas filhas,tendo o cuidado de separar o valor correspondente aos tributos romanos do restante dos bens deixados,provavelmente pensando nos dotes para os futuros esposos destas.
Mas como Roma não reconhecia a linha de sucessão dinástica através das mulheres,a morte de Prasutargo é entendida como o fim do tratado e o Imperador Nero ordena que o território seja anexado á Província.
As terras conquistadas foram divididas e como a lei romana considerava ilegal dar bens pessoais para outros sem o consentimento do Imperador,esposa e filhas perdem todos os seus recursos.

"Nasce" a Rainha Guerreira;

Boudicca,conhecida pelos romanos por Boadicea,nasceu por volta do ano 30 a.C.Não se sabe muito da sua origem e pensa-se que ela tenha se chamado Boudiga,como a Deusa Celta da Vitória.Boudicca tornou-se rainha dos Icenos,onde é,hoje,Norfolk e Sulfolk.
Depois da morte do marido,sucederam-se ataques surpresa dos romanos aos Icenos,por não terem recursos para pagar os tributos…e ela,própria,junto com as filhas foram bárbaramente torturadas,por não se submeterem ao jugo da poderosa Roma.
Boudicca foi desnudada e espancada em público,enquanto as suas filhas eram violentadas pelos soldados romanos,defronte dos seus olhos.O Imperador Nero,ordenou que confiscassem as terras,bens e levassem pessoas como escravos,para Roma.
Da sua raiva e ódio,nasce a corajosa e lendária guerreira,que uniu as várias tribos(que constantemente lutavam entre si)numa luta comum,contra os romanos.
Liderou uma rebelião de 100 mil,ou mais homens,aterrorizando os romanos, que não compreendiam a maneira deles lutarem.Ficavam surpreendidos ao verem as mulheres Celtas lutando ao lado dos homens e possuírem indistintas forças e honra.Soltavam horrendos gritos e usavam machados e espadas,lançando-se contra seus oponentes corajosamente.E por ser uma mulher a Líder,Roma e sentiu-se duplamente humilhada.
O primeiro ataque foi em Camulodunum(Colchester),durando a batalha alguns dias,de modo que alguns romanos fugiram para Londinium(Londres).Gaius Suetonius Paulinus,o governador da Britania ,ao saber da chegada da rainha,fugiu com a sua Legião e aqueles que lhe serviam,deixando os outros para trás.Em Londinium os veteranos romanos,agora agricultores e pastores,estavam,completamente,despreparados,para conter o ataque de Boudicca.A cidade foi arrasada,incendiada e seus habitantes foram mortos violentamente.Boudicca marcha para Verulamium(St.Albans),uma cidade simpatizante das leis romanas.A povoação ao saber do ataque,foge e os que,teimosamente,restam são mortos pelos Icenos e a cidade destruída.Suetonius regrupa suas hordes,em West Midlands e enfrenta a rainha na derradeira Batalha em Watling Street.
Pequenas rebeliões continuaram ainda.A Lenda afirma que ela sobreviveu á grande batalha e envenenou-se em casa,junto com as suas filhas,não desejando serem apanhadas vivas,para de novo,serem humilhadas ,castigadas e levadas para Roma,como escravas.Cassius Dio narra que os Celtas fizeram um enorme enterro,digno de uma heroína.
Sua memória foi resgatada no século XVI pela rainha Elizabeth I que interessada em promover o conceito da rainha guerreira nobre, transformou Boudicca em ícone histórico.

Image and video hosting by TinyPic

Hoje ela é o símbolo romântico de revolta e vitória à vista da adversidade. Há uma estatua dela,em bronze,com longos cabelos e um perfil desafiador,em frente a Casa do Parlamento.

2 comentários:

  1. nossa,eu gosto muito de ver essas historias de guerreiras,faraós e (etc...).mas tudo o que e´antigo,e que aconteceu de verdade.o que mais me imprecionou foi a historia da buticca.

    ResponderEliminar
  2. Obrigada Raquel,Por Participares No Blog!!!
    Sim,Eu Também Adoro Este Género de Histórias e Ao Ver o Filme Desta Grande Guerreira,Desejei Postar Aqui Um Pouquinho da História Dela...!!!
    Obrigada Pela Visita e Volta Sempre,Pois Terás Sempre Histórias & Curiosidades Interessantes,Um Excelente Fim de Semana!!!!

    ResponderEliminar