quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Existiu,Realmente,Robin Hood???

Robin Hood

Quem foi realmente este personagem Lendário da Idade Média?
Por principios do século XIV, nas profundezas da floresta de Sherwood vagava um proscrito cujas façanhas fizeram dele o principal herói popular do seu tempo. Seu nome é hoje conhecido como Robin Hood. A história das suas obras são narradas em vários livros.Mas é verdade? Este homem realmente existiu?

Robin era um nome a os Pagãos,geralmente,davam aos seres Sobrenaturais, e a cor verde, que foi a roupa distintiva do herói, é a cor Tradicional atribuída ao Espírito da floresta.
Também foi difundida a teoria de que Robin Hood era apenas um dos personagens das cerimônias antigas do primeiro dia de Maio, que ao longo dos anos se tornou uma Lenda em primeiro lugar e, em seguida, um personagem histórico. No entanto, as provas documentais indicam que entre o décimo terceiro e décimo quarto sécs.um homem chamado Robin Hood vivia em Wakefield, York County, e ele pode ter sido o herói da lenda romântica. Robin Hood (cujo nome cristão era Robert) nasceu em 1290, seu pai, Adam Hood era um guarda florestal a serviço de João, Conde de Warenne e senhor da mansão de Wakefield.
Em 1322, o mestre do país de Robin era Thomas, Conde de Lancaster. Robin escondeu-se na floresta de Barnsdale, que na época er coberta cerca de 48 km quadrados e acabou se unindo a Floresta de Sherwood, que cobria us 40 km quadrados,e acabava unindo-se á floresta de Sherwood,que ocupava outros 40 km,no condado de Nottingham. As florestas eram atravessados ​​pela Grande Estrada do Norte, construída pelos Romanos, esta rota dava enormes lucros para os salteadores.Nesta região nasceu a Lenda de Robin Hood.
Robin Hood
Robin Hoods Bay, que fica a muitos km da costa do Condado de York, foi assim nomeado em memória do fora-da-lei, cujo grupo tinha numerosos barcos ancorados lá, que usavam para pescar e, eventualmente, para escapar das autoridades. Durante as suas viagens, Robin visitou a igreja de St. Robin onde puxou a espada, antes de ser capturado e matou 12 soldados.
Mas o que transformou a Robin Hood num herói popular, era a sua defesa dos desamparados. Uma das histórias mais famosas emergentes dos bosques de carvalho de Sherwood, é a Lenda do encontro de Robin Hood com o Rei Edward II. Narra que o rei, sabendo que o número dos cervos reais de Whetwood,diminuíam devido ao apetite de Robin Hood e ao seu bando de bandidos decidiu limpar a floresta de Proscritos. Quando encontraram Robin Hood e parte do seu bando, eles exigiram dinheiro, o Rei deu-lhes 40 £ e disse que era tudo que tinha.
Robin então tomou 20 libras para distribuir entre os seus homens e os outros 20 retornaram ao Rei. Nesse momento Edward II mostrou o selo Real a Robin e disse que o queria ver em Nottingham, Robin pediu,então, aos seus homens para se ajoelharem perante o selo real e jurou fidelidade ao Rei.
O nome de Robin Hood aparece meses depois, em 1324, nos registros da casa de Edward II. Há registros de salários pagos a Robin até Novembro do mesmo ano. A partir dessa data, o nome de Robin desaparece dos documentos oficiais para mergulhar de volta no folclore. É possível que, depois de desfrutar por muito tempo da liberdade na floresta, Robin fosse incapaz de estar ao serviço de alguém, nem mesmo do seu Rei.
As Aventuras de Robin Hood nas florestas continuaram até cerca de 1346,diz-se que morreu naquele ano, no Mosteiro de Kirki.
A sua história termina quando Robin Hood consegue soar o seu chifre de caça,pela ultima vez,trazida pelo seu fiel companheiro, Little John. Antes da sua morte, Robin atirou uma flecha pela janela do seu quarto,em direção da floresta, e pediu para ser enterrado no local onde a flecha tivesse caído. Ainda hoje é possível ver o local que Robin elegeu como seu Túmulo.
Robin Hood

Sem comentários:

Enviar um comentário