segunda-feira, 25 de junho de 2012

As Pinturas Rupestres de El Castillo,Serão de Neandertais?

 
Parece que as Pinturas do Paleolítico da Gruta de “El Castillo”,  no norte de Espanha, podem ser obra dos Neandertais e remontar a 40.800 anos atrás, tornando-se nas mais antigas representações pictóricas,conhecidas,  conclui uma nova Investigação. 
Esta informação foi dada á imprensa difundida pela Universidade de Bristol, quero realçar a participação neste estudo do Investigador Português João Zilhão.

"Com estes novos dados, a datação para o início das representações artísticas humanas recua em cerca de 10.000 anos, indicando que as pinturas tanto poderiam ser realizadas  pelos primeiros seres humanos anatomicamente modernos da Europa, como pelos Neandertais."

Existem 50 pinturas em 11 cavernas no Norte da Espanha, como as Grutas de Altamira, Castillo e El Tito Bustillo, que foram datadas por uma equipa liderada pelo Dr. Alistair Pike, da Universidade de Bristol, e constituída por Investigadores do Reino Unido, de Espanha e de Portugal. O projecto foi financiado pela "Natural Environment Research Council" (NERC).

Como as datações  pelo radiocarbono não funcionam onde não há matéria orgânica, a equipa decidiu recorrer a um processo de datação aplicado à formação de pequenas estalactites que se formaram em cima das pinturas usando um método radioactivo do urânio, o designado  (Uranium-series U-series). Desta forma foi obtida uma idade mínima para a arte e nos caos em que a estalagmites maiores apareceram pintadas, foram obtidos limites cronológicos com maior fiabilidade.
Mas no caso concreto de “El Castillo”, foram encontradas balizações cronológicas que fazem recuar a origem  até aos 40.800 anos, tornando-se na Arte Rupestre mais antiga conhecida na Europa, 5 a 10.000 anos mais Antiga do as encontradas em França.

Segundo  Alistair Pike;

 "evidências para a existência de seres Humanos modernos no Norte da Espanha há pelo menos 41.500 anos atrás, mas  antes deles existiam aqui os Neandertais. Os nossos resultados mostram que tanto os seres Humanos modernos como os Neandertais podem ter sido os responsáveis por estas manifestações artísticas.
Nós vemos evidência de simbolismo Humano na forma como surgem algumas contas perfuradas, cascas de ovo e pigmentos gravadas em África cerca de 70 a 100.000 anos atrás, mas parece que as primeiras pinturas rupestres estão na Europa. Um argumento que explica o seu desenvolvimento neste Continente baseia-se no conceito de que nessa altura existia uma competição por recursos com os neandertais. Este facto poderá ter provocado um incremento da inovação cultural dos primeiros grupos de seres Humanos modernos, a fim de sobreviver. Mas a pintura realizada dentro de cavernas poderá ter começado antes da chegada dos humanos modernos,  podendo ter sido realizadas por homens de Neandertal ".

Sem comentários:

Enviar um comentário