sábado, 28 de julho de 2012

O Medalhão de Dom Dinis...

Ultimamente muitas grandes Descobertas se têm feito de objectos de origem portuguesa dos tempos das Grandes Descobertas e Navegações...
Neste caso,a Descoberta foi feita por uma dona de casa Malaia, da cidade de Klebang de um medalhão Português do século XIII,que criou burburinho,na altura,dos meios de comunicação;como é que uma peça  Religiosa de uma época muito anterior às primeiras Navegações Portuguesas na Ásia,teria chegado ao estômago de um tubarão na Malásia?
Pois é foi encontrado dentro do estômago de um tubarão que estava a ser preparado para o jantar,pela senhora!!!O tubarão trazia uma Surpresa de 10g.,tendo de um lado uma mulher coroada e do outro o desenho de um crucifixo com a palavra"Antonii".A mulher coroada poderá ser a Rainha Isabel, consorte do Rei D. Dinis.
A explicação da Descoberta,nas costas da Malasia,é bem simples;os Navegadores Portugueses  eram muito Religiosos,devemos lembrar-nos que o Cristianismo foi um dos motores da presença Lusa na Ásia...e como grandes admiradores da Arte e da Antiguidade ,alguém deve ter levado este medalhão  numa das varias Naus e Galeões das carreiras do Oriente, servindo como amuleto a um nobre ou  a um oficial desses navios.
Malaca foi durante o século XVI e XVII um dos Portos mais procurados do Oriente Português e a existência de vários Navios Naufragados,é bem sabido… Como por exemplo o Famoso “Flor de la Mar” de 400 toneladas, um dos maiores Tesouros Marítimos de sempre,resultante do saque de Malaca após a Conquista da Cidade por Afonso de Albuquerque.
A Cidade Malaia esteve sob domínio Português entre 1511 e 1641.
Como o habitual ,deixamos alguns Monumentos da nossa presença,como este Forte,mas infelizmente,a maioria nunca foi preservada e encontram-se neste estado de intensa ruina...

Sem comentários:

Enviar um comentário