quarta-feira, 5 de junho de 2013

O Que Causa as Auroras de Saturno?

 Saturn's Polar Auroras
Tal como acontece com a Aurora Boreal na Terra,as Auroras Polares de Saturno - filmado aqui no Pólo Sul do Planeta - são gerados pela colisão de partículas energeticamente carregadas na atmosfera superior do Planeta. A diferença, porém, é que as Auroras podem ser expelidas a uma altura incrível de 1.000 km (620 milhas) acima das nuvens de Saturno.
As partículas carregadas são produzidos principalmente pelo gás da Magnetosfera do gigante,também se pensa elas também contribuiem para o bombardeio dos Ventos Solares emanados do Sol. Estas partículas geradas impactam no Hidrogenio Atomico e Molecular na Atmosfera Polar de Saturno, fazendo com que os Atomos gasosos se ionizem. Em última análise, esta ionização resulta em fótons  emitidos, que combinados levam ao que o brilho etéreo distintivo.
Ao contrário das Auroras que testemunhamos aqui na Terra, aquelas imagens de Saturno não são visíveis ao olho Humano. Com efeito, a Aurora brilha intensamente como esta,em cerca de quatro micrómetros (0,0002 polegadas), que é de seis vezes o comprimento da onda visível ao olho Humano. A imagem foi capturada pela Sonda Espacial Cassini,"Mapping Spectrometer"(VIMS) ,que pode perscrutar profundamente no espectro infravermelho e ultravioleta.

Sem comentários:

Enviar um comentário