quarta-feira, 30 de outubro de 2013

A Civilização e o Seu Nascimento...

 
Civilização,Conjunto de Caracteres Próprios à Vida;

Intelectual, Artística, oral e Material de um País ou de uma Sociedade...
A palavra Civilização vem do Latim "Civis", que significa "Cidadão de uma Cidade". 
Os Povos Primitivos considerados não Civilizados vivem em acampamentos e aldeias. Geralmente, os Povos Civilizados conhecem a Escola. Seu modo de vida costuma apresentar,também, uma divisão de trabalho. Isto significa que os Agricultores, Criadores e Pescadores produzem Alimentos, enquanto os Comerciantes, Artesãos, Funcionários Públicos, Soldados e outros fornecem bens manufaturados e serviços. O Governo, a Educação e a Religião estão nas mãos de Reis, Padres, Juízes, Professores e Autoridades Governamentais. A maioria dos Estudiosos acha que a História começa com a Escrita e, portanto, com a Civilização. O longo período transcorrido antes que a História começasse a ser registrada é chamado de Pré-História.

É costume referirmo-nos a Civilizações determinadas, como a Civilização Chinesa, ou á Civilização Ocidental. Neste sentido, uma Civilização significa a Cultura de um certo Povo. Qualquer modo de vida, seja simples ou complexo, pode ser chamado de Cultura. Mas só uma Cultura complexa pode ser chamada de Civilização.

O Surgimento das Civilizações;

Os Povos tiveram muito o que aprender antes de se tornarem civilizados. Durante cerca de dois milhões e meio de anos, a alimentação foi obtida através da caça de Animais e da colheita de Raízes, Frutas Silvestres e outros produtos da Natureza. Havia Epocas em que este Alimento se tornava escasso. As pessoas tinham que se deslocar constantemente para conseguir o Alimento necessário,eram chamados Nomadas.

O primeiro progresso no sentido da Civilização ocorreu no séc. IX a.C., quando o Homem Descobriu que podia obter grande parte de seu Alimento criando Rebanhos e Plantando. Esta Descoberta permitiu que alguns grupos de pessoas se fixassem em Aldeias, Criando Animais e Plantando. Começaram a tecer panos e a fazer Cerâmica o tempo que sobrava. Os Sacerdotes ajudaram a reduzir os Temores e as Desavenças entre a População, unindo-a através do Culto aos Deuses. Os Chefes aprenderam a manter a Paz entre Aldeias vizinhas e a proteger os Viajantes e Comerciantes. A Paz e a Ordem contribuíram para o
desenvolvimento do Comércio e estimularam a difusão de novas idéias.

O segundo progresso foi a Descoberta dos Metais. Com os Metais, os Artesãos passaram a ter melhores Instrumentos, os Guerreiros melhores Armas, e os Comerciantes um meio de troca mais eficaz. Com o crescimento do Comércio e da Produção, os Chefes tornaram-se Reis. Os Sacerdotes, os Artesãos, os Comerciantes, os Coletores de Impostos e os Soldados reuniram-se em torno do Rei formando a Côrte Real. A Riqueza e o Comércio geraram a necessidade da Contabilidade. Foram Inventados sistemas

Matemáticos e de Escrita. Os Escribas e Professores tornaram-se necessários. As Côrtes transformaram-se em Cidades. Alguns Homens estimulando-se mutuamente, passaram a produzir Obras de Arte. A Ciência começou a surgir, à medida que os Sacerdotes estudavam os movimentos dos Planetas e as posições das Estrelas, a fim de elaborar Calendários para orientar a Produção Agrícola.
A maior parte das grandes Civilizações do Mundo surgiu em Climas Temperados. Mas algumas Culturas, como a dos Khmers, no Cambodja, e a dos Maias, em Yucatán, desenvolveram-se em Regiões Secas e Tropicais. Várias Raças Humanas diferentes criaram Civilizações.

As Origens;

As mais Antigas Civilizações do Mundo surgiram de forma Independente. A principal causa do surgimento das Civilizações posteriores foi a difusão das primeiras Civilizações por novas áreas. Os Historiadores costumam apontar quatro áreas do Hemisfério Oriental como sendo as Terras de Origem, onde surgiram as mais Antigas Civilizações. 

Estas regiões apresentam vantagens excepcionais sobre outras áreas quanto à possibilidade de conseguir Alimentos e à facilidade de locomoção. As quatro áreas foram;
 

O Egipto,o Médio Oriente,o Vale do Indo, onde hoje é o Paquistão, e o vale do Huang-Ho, na China.
O Egipto;
Os Antigos Egípcios viviam às margens do Rio Nilo, que era rico em Peixes e Aves Aquáticas. Navegavam e transportavam Mercadorias pelo Rio, em Barcos. Cultivavam Trigo e outras Plantas nos ricos depósitos de aluvião que a Maré do Nilo formava regularmente a cada Ano, não precisando, assim, temer as variações do regime de Chuvas. As Aldeias agrupavam-se formando Distritos Independentes, chamados "Nomos", que pontilhavam as Margens do Rio. Nos Tempos Pré-Históricos, os Nomos uniram -se em dois Reinos, o Alto Egipto e o Baixo Egipto. No Alvorecer da História Egípcia, por volta do Ano 3100 a.C., unificaram-se num único Reino. Em pouco tempo, a Civilização Egípcia adquiriu características particulares e permaneceu essencialmente a mesma durante 2.500 anos. Os grandes Templos de pedra e as irâmides ainda resistem para nos lembrar a preocupação dos Egípcios com a Imortalidade da Alma através da conservação dos Corpos, após a Morte. A parte Alfabética da sua Escrita Hieroglífica contribuiu para formar o nosso Alfabeto.
O Medio Oriente;
Apresenta uma área em forma de Foice que se encurva da Costa Mediterrânea ao Golfo Pérsico e que era extremamente fértil. Na parte Leste deste Crescente fica a Mesopotâmia, a Região entre os Rios Tigre e Eufrates. Aí os primeiros Sumérios construíram uma Civilização, quase ao mesmo tempo em que surgiu a Civilização Egípcia. Também Plantavam Trigo, criavam Bois e Carneiros, e trabalhavam Metais trazidos de Minas distantes. Estavam organizados em Cidades-Estados Independentes. 
Os Sumérios construíram Palácios e Templos imensos, com tijolos secos ao Sol, porque não havia pedra na sua Região. Desenvolveram a Escrita Cuneiforme, Desenhada na Argila com varas pontiagudas. Vários Povos posteriores, como os Acadianos e os Babilonios, adoptaram a Civilização Suméria e difundiram-na pela Mesopotâmia.A sua difusão foi mais ampla do que a da Civilização Egípcia e influenciou muitas outras, inclusive a Civilização Ocidental. Daí veio a nossa Semana de sete Dias e o círculo de 360 graus.
Outros Povos do Oriente Médio aprenderam muito com os Sumérios, acrescentando as suas próprias contribuições. Na parte Ocidental do Crescente Fértil, viviam os Fenícios, os Arameus e os Hebreus. Tempos mais tarde, os Assírios, e depois os Persas, unificaram uma grande área do  Médio Oriente para formar grandes Impérios.
O Vale do Indo;
Por volta do ano 2500 a.C., um Povo de Nome Desconhecido estabeleceu uma Civilização no Vale do Rio Indo, onde hoje é o Paquistão. Construíram Cidades feitas com tijolos cozidos, com Ruas estreitas e excelentes escoadouros e esgotos. Também trabalhavam o Bronze e Escreviam num Alfabeto ainda não Decifrado. Os Selos Sumérios encontrados nas Ruínas das Cidades de Harappa e Mohenjodaro indicam que o Povo do Vale do Indo Comerciava com a Mesopotâmia.A sua Civilização extinguiu-se por volta de 1700 a.C. Os Estudiosos não sabem ao certo as causas da Derrocada desta Civilização.
O Vale do Huang-Ho;
Por volta do ano 1500 a.C., surgiu uma Civilização nas Margens do Huang-Ho, um Rio do Centro-Norte da China. As Escavações Arqueológicas revelaram uma grande Cidade da chamada Dinastia Chang, perto de Ngan-Yang. Este Povo construiu Palácios de madeira e fez os mais finos vasos de Bronze que já existiram. Deixaram, também, a mais Antiga Escrita Chinesa que se conhece. Esta Escrita foi gravada em pedaços de ossos, usados para Adivinhar o Futuro. A Antiga Cultura Huang-Ho foi a única, de todas as Civilizações Originais, que sobreviveu até aos nossos Dias.

Sem comentários:

Enviar um comentário