quinta-feira, 31 de julho de 2014

Vestigio de Um Diluvio no Yucatan,Mexico...

Poucas pessoas percebem que a maioria das cidades Maias que visitam foram apenas parcialmente escavadas - e complexos subterrâneos jazem fechados em colinas ou em arbustos próximos.

Logo ao Sul de Mérida (Capital de Yucatán,Mexico),fica a antiga Aidade de Sayil. Os Arqueólogos estimam que apenas uma pequena percentagem do complexo principal foi escavado - e muito de outros edifícios permanecem inteiramanete cobertos. Algumas das melhores evidências de uma inundação maciça (Diluvio) pode ser visto no Sayil, Labná e noutras Cidades que fazem fronteira com o Golfo do México.

Na foto acima Maya Elder Homens Hunbatz - marca o lintel do telhado de um edifício que está  quase inteiramente enterrado no chão. O símbolo descreve os povoadores originais, os antepassados ​​dos Maias, milhares de anos antes do Classico Maia.

"Note a profundidade do edifício enterrada. Eu acredito que a Península foi coberta por uma quantidade significativa de água, e quando ela se afastava - o solo enterrava edificios e Cidades inteiras.

 

Sem comentários:

Enviar um comentário